quarta-feira, 20 de agosto de 2014

DESAFIO - JUST SAY IT || PART 5

Esta semana vamos dedicar um tempinho ao tema: Futuro! Sei que é impossível prever o futuro, pelo menos eu ainda não possuo essa capacidade.

Existem muitas teorias sobre o fim do mundo e a extinção da nossa espécie! Como achas que vai acontecer, se é que vai acontecer de todo?

Quais achas que vão ser as maiores diferenças na tua vida daqui a 20 anos?
Existem 381645 filmes de ficção científica, alguns mais credíveis que outros. Quais achas que são as invenções do futuro?
Ella 
Existem muitas teorias sobre o fim do mundo e a extinção da nossa espécie! Como achas que vai acontecer, se é que vai acontecer de todo?
Até agora só temos uma teoria confirmada: A terra vai desaparecer engolida pelo sol quando o crescer para uma gigante vermelha. Sinceramente não me parece que esta vá ser a causa do fim da humanidade. Somos estúpidos o suficiente para morrermos de suicídio. Basta meia dúzia de países enlouquecerem e se porem a mandar bombas atómicas em todo o lado ou brincarem com as coisas rádio activas que criam... Acho que é mesmo isso... vamos morrer de um ataque de masoquismo e estupidez aguda.
Afinal não é isso que eles fazem nas guerras? Tudo porque somos uma raça gananciosa e que deseja sempre a cima do vizinho.


Quais achas que vão ser as maiores diferenças na tua vida daqui a 20 anos?
Daqui a 20 anos, aos 40 (que medo!!), acho que nessa altura vou ter a minha casa, os meus filhos, o meu emprego... Espero sinceramente que tenha achado o rumo certo, coisa que agora ainda está meio confuso. Não sei como vai estar a minha vida amorosa, é difícil prever... Espero que casada (ou junta), bem casada... Estou seriamente a contar que as diferenças passem por um equilíbrio emocional maior, mais maturidade e o ter a minha independência, a minha vida... Não que me considero infantil mas sou impulsiva demais, teimosa demais e espero que essa maturidade passe por saber gerir melhor o meu feitio e saber aplica-lo na altura certa.


Existem 381645 filmes de ficção científica, alguns mais credíveis que outros. Quais achas que são as invenções do futuro?
Estou numa área extremamente importante para o avanço das coisas. Mas creio que o próximo grande avanço vai ser o trazer as coisas às pessoas sem as pessoas irem as coisas. Dando um exemplo, viajares sem saíres da tua casa mas com a mesma experiência do que se realmente estivesses noutro lugar... E temos exemplos disso quando vemos os óculos google, o avanço na realidade aumentada... Este brincar com a nossa mente, engana-la para experienciar mais coisas. Pelo menos parece-me uma coisa que seja atingível daqui a alguns anos. Mas o que mais me custa na minha área é que os avanços estão a ir no sentido de robotizar o homem. Não gosto disso...  




Existem muitas teorias sobre o fim do mundo e a extinção da nossa espécie! Como achas que vai acontecer, se é que vai acontecer de todo?

Primeiro, estou um bocado entre o acontece e o não acontece. Há probabilidades de os climas começarem a mudar, ora são invernos demasiado frios ou verões que vão ser demasiado quentes. E, começando por aí, vai haver pessoas que não vão conseguir resistir. Mas acaba por não ser só isso – no fim de contas, somos nós que estamos a pôr fim à nossa espécie. Extinguimos espécies de plantas que podiam ser úteis para fins médicos e terapêuticos. Mas depois também existem os grandes vírus, como por exemplo o Ébola ou a Gripe A. No fim de contas, a nossa espécie pode extinguir-se mas se isso acontecer não vai ser amanhã ou depois de amanhã nem no próximo sábado, será daqui a muito, muito, mas muito tempo – uns milhões de anos.


Quais achas que vão ser as maiores diferenças na tua vida daqui a 20 anos?

O futuro é uma coisa que me assusta imenso. Não sei como vai ser tendo em conta o estado do país. Mas de certeza que a minha vida vai mudar muito. Daqui a vinte anos é muito tempo, terei os meus 36! E isso é um número muito grande para eu pensar nele. Espero ter uma vida estável com o meu futuro-marido e os meus futuros-dois/três-filhos num futuro-apartamento ou numa futura-vivenda num outro país. Espero poder ter o meu emprego de sonho. A maior mudança vai ser mesmo o diferente organizar da minha vida. É disso que tenho medo.


Existem 381645 filmes de ficção científica, alguns mais credíveis que outros. Quais achas que são as invenções do futuro?

Isso não é certamente uma pergunta para mim, mas acredito sinceramente que vão existir muitas outras tecnologias. Há alguns anos vi na televisão um telemóvel controlado através da mente – basicamente só precisas de o colocar na mão e pensar em, por exemplo “escrever uma mensagem para X” e o telemóvel abre automaticamente o que pensaste. Por isso, acho que se já existem telemóveis assim, ou se estão para existir, muitas outras invenções vão surgir que vão revolucionar por completo o mundo como o vemos hoje.

Falar sobre o futuro é um risco. Nada será como imaginamos, mas temos a nossa própria visão daquilo que está para vir. Muito sinceramente, não acredito que a nossa espécie se irá extinguir. No entanto, acredito que daqui a alguns anos viver como vivemos vai ser incompreensível. Penso que daqui a 20 anos a maior diferença na minha vida vai ser a dimensão das tecnologias e a forma como nos vamos “envolver” com elas. Acredito que estas excederão todas as expectativas de mil e uma maneiras. Quem sabe não veremos robots a fazerem de motoristas, casa controladas com um comando, estruturas construídas em três tempos por máquinas, telemóveis que dobram.


Existem muitas teorias sobre o fim do mundo e a extinção da nossa espécie! Como achas que vai acontecer, se é que vai acontecer de todo?
Eu acredito que o mundo vá acabar, mas acredito que nessa altura eu e todas as pessoas que eu conheci já não estarão cá. Como vai ser, não consigo imaginar e poderia estar a fazer atentados à ciência e, por isso, prefiro remeter-me ao silêncio. 


Quais achas que vão ser as maiores diferenças na tua vida daqui a 20 anos?

Nessa altura já terei 42 anos e com essa idade serei completamente independente de modo financeiro, mesmo que isso implique não estar a trabalhar na minha área e esteja fora do país (o que espero que não aconteça). Com uma família bem constituída, feliz, cheia de saúde e a viver sem ter que constantemente contar os trocos da carteira. Podem achar que isso é ser gananciosa, mas tem tudo a ver com uma questão de bem-estar e não de esbanjar, acreditem. Acho que isto é aquilo que todos queremos, mas que nem todos chegamos a conseguir atingir. 


Existem 381645 filmes de ficção científica, alguns mais credíveis que outros. Quais achas que são as invenções do futuro?

Já estive a pensar nisto noutras alturas e se há coisa que acho que vai deixar de existir são os livros, que passaram todos a ebooks (com pena minha) e as lojas físicas, que passarão todas a ser online. Poderemos fazer compras online em que os portes serão gratuitos para qualquer valor e qualquer sítio (tendo em conta poupança já feita na loja e nos empregados). Para as trocas e devoluções virá uma carrinha da empresa fazê-la pessoalmente. Pode parecer pouco usual, mas eu acredito que isso será uma das evoluções e na altura não parecerá tão estranho quanto agora.

3 comentários:

  1. R: Sim, tens razão. Tarefas domésticas não é sinal de vida de pobre. Mas empregada doméstica é sinal de vida de rico, e essa é a vida que eu gostava de ter. xD
    Agora a sério. Claro que estou a brincar ao escrever aquele post. Simplesmente, estou a dar-me numa de "Tia de Cascais" como se costuma dizer, e gozo um bocado com a minha falta de atenção e preguiça para fazer as coisas que toda a gente tem que fazer.

    ResponderEliminar