segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Swag

Vai uma pessoa descansadinha da vida no metro e eis que entra um puto cheio de swag com a música do telemóvel aos altos berros para todo o mundo ouvir. Ainda se o menino tivesse bom gosto musical... Mas mesmo assim é uma falta de respeito. Eu adoro ouvir música. Sou viciada, quase. Mas sei que existem umas coisinhas fantásticas chamadas "phones", que permitem a pessoa ouvir música sem incomodar os outros. Parece que o miúdo nunca ouviu falar de tal coisa. Talvez devesse pedir uns ao Pai Natal.

Obrigado pelo vosso carinho. Já estou melhorzinha, mas mesmo assim continuo com aversão à comida. Desde que ela se mantenha no estômago, já fico feliz. 

10 comentários:

  1. O swag está para 2014 como os emos estavam para 2009 XD
    Infelizmente música sem phones não é um mal exclusivo do ninos do swag, antes fosse, que o problema era bem menor.

    ResponderEliminar
  2. Não deve ter mesmo noção, é que para além de ser falta de respeito, acaba por fazer figuras tristes.

    Espero que estejas melhor.

    ResponderEliminar
  3. Por acaso ainda não apanhei personagens dessas xD

    ResponderEliminar
  4. Eu tenho 13 anos e estou na maravilhosa idade do swag, mas eu felizmente resisti e nunca gostei de me vestir como toda a gente, tenho o meu estilo e os meus amigos aceitam isso, tal como eu aceito o deles, azeitices aqui não entram!

    ResponderEliminar
  5. Fico logo chateada quando vejo alguém entrar no transporte que vou com a música aos berros, será que não conhecem uma coisinha chamada vergonha na cara?? Enfim!

    ResponderEliminar
  6. Isso há uns anos atrás era o pão nosso de cada dia, hoje felizmente já é menos visível esse tipo de situações mas mesmo assim quando aparecem dessas pessoas uma pessoa só fica com vontade é de lhes darmos os nossos próprios phones para não ter de levar com a música deles!

    ResponderEliminar
  7. Há quem goste de partilhar, em demasia, com o mundo. É assim...

    ResponderEliminar
  8. Isso acontece-me imenso no autocarro e acontecia-me na minha escola anterior. Quando as pessoas estavam ao meu lado e eu as conhecia minimamente bem, dava-lhes os meus phones do jeito "Já que aparentas não ter uns, toma os meus que já estou farta de ouvir isso"

    ResponderEliminar